HOME OFFICE – COMO IMPLEMENTAR NA SUA EMPRESA?

O home office é uma excelente estratégia para reduzir custos empresariais. Naquelas tarefas em que o empregado é essencial mas não precisa necessariamente estar presente no local de trabalho é possível executar o serviço em casa, mediante o trabalho remoto. A vantagem é a economia com espaços físicos, ferramentas de trabalho e deslocamentos dos funcionários, com ganho de produtividade. Mas o que você precisa saber para implementar o home office e não ter problemas na sua empresa? Para ajudá-lo elaboramos este post! Acompanhe nossas dicas de gestão empresarial!

Home Office e Gestão Empresarial
Home Office e Gestão Empresarial

HOME OFFICE E FERRAMENTAS DIGITAIS

Para implementar um home office de sucesso na sua empresa, invista na interação dos seus colaboradores! Com as ferramentas digitais é possível o escritório virtual, com clientes, parceiros, colaboradores e gestores integrados. Um ambiente tecnológico com colaboradores engajados é essencial para o sucesso da sua empresa. Quais os passos para implementar o home office no seu negócio? Selecionamos as principais dicas!

PASSOS PARA IMPLEMENTAR O HOME OFFICE

Implemente a nuvem corporativa na sua empresa! Um ambiente virtual corporativo, com ferramentas na nuvem, capacitará seus colaboradores a produzir com simplicidade, tornando as tarefas leves e menos burocráticas. Dessa forma, a comunicação fluirá, mesmo entre funcionários de gerações diferentes! A nuvem corporativa significa mobilidade, pois você e seus colaboradores poderão acessar os aplicativos e as ferramentas de trabalho não importa onde estejam!

Implemente a gestão do banco de dados do seu negócio! No home office é muito importante que você se preocupe, também, com o banco de dados. É que as pessoas passam pelas funções, mas o resultado do trabalho não deve ficar armazenado na estação de trabalho delas! É um risco muito grande para sua empresa! Por esse motivo, os aplicativos digitais serão muito importantes para que o resultado do trabalho seja apropriado pela empresa, não pelos colaboradores.

Não se esqueça da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD)! Lembre-se que o trabalho digital está sujeito à Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais (LGPD) e estabelecer a Governança de Dados será de valor para evitar autuações e problemas jurídicos.

Invista na Segurança Digital! A segurança digital é muito importante porque o banco de dados da sua empresa será acessado por estações de trabalho remotas, aumentando os riscos de desastres e perda de informações. Por esse motivo, o investimento na tecnologia será essencial para adotar inovações digitais, tomar decisões estratégicas valendo-se de métricas e dados e desenvolver uma tecnologia ágil e segura.

COMO ESCOLHER UM SISTEMA DE PONTO PARA CONTROLE DA JORNADA DE TRABALHO DOS FUNCIONÁRIOS NO HOME OFFICE?

Um dos desafios do trabalho remoto é o controle de ponto no home office. Realmente, é muito importante implementar um sistema de cartão de ponto capaz de monitorar a jornada dos trabalhadores em trânsito ou em home office.

Por esse motivo, tome muito cuidado com máquinas ou equipamentos que demandam alta infraestrutura e possuem muita instabilidade! Se os seus funcionários precisam obrigatoriamente ir todos os dias na empresa para registrar o ponto você pode ter sérios problemas, resultando em pontos batidos em dias e horários errados ou até mesmo fraude ao registrar o ponto.

Por esse motivo implementar um sistema de controle de ponto na nuvem tornará sua gestão mais eficiente! É essencial investir num aplicativo na nuvem simples e com boa usabilidade. Assim seus funcionários não terão dificuldades em registrar o ponto corretamente. Também um registro fotográfico, de localização e que funcione com segurança e criptografia tanto online como offline evitará fraudes e problemas jurídicos.

TRABALHO REMOTO E DIREITOS TRABALHISTAS DOS SEUS FUNCIONÁRIOS

Invista na capacitação dos seus colaboradores! Para construir um ambiente de trabalho digital você vai precisar investir em pessoas, em processos e em tecnologia. Inicialmente, não economize no treinamento e na capacitação dos seus funcionários! Embora todos estão bem acostumados com as redes sociais e as ferramentas digitais, no ambiente corporativo as coisas são bem diferentes, não é verdade? Por esse motivo, identificar lideranças digitais e promover a cultura digital será uma regra se você quer ter sucesso! Também é muito importante estabelecer processos claros para aumentar a colaboração e criar uma cultura responsiva.

Assim, para implementar o home office é muito importante que você se preocupe com a consultoria jurídica para o mapeamento dos direitos trabalhistas dos seus funcionários. Para implementar o home office o empresário acaba se deparando com muitas dúvidas: O empregado é obrigado a aceitar o trabalho remoto? A empresa é obrigada a fornecer equipamentos ou o funcionário arcará com todas as despesas? Quem trabalha em casa tem direito ao vale alimentação ou ao vale refeição? O empregado que trabalha em casa tem direito de receber horas extras? A empresa tem responsabilidade pelo empregado que contrai uma doença trabalhando em casa? Além de muitas outras questões!

Para tais questões não existem respostas prontas. É indispensável o mapeamento de direitos consultando um advogado de confiança. Por esse motivo, buscar a consultoria jurídica é muito importante para reduzir riscos jurídicos com funcionários! De qualquer maneira investir no home office compensa! É uma excelente maneira de ter um ambiente corporativo mais tecnológico e produtivo, com redução de custos.